A Dama de Vermelho


Como a última droga disponível
Como a última moda que surgiu
Uma antiga mentira que ninguém desmentiu
Os sorrisos amarelos de quem falaram
Como as cores de dois irmãos não se misturaram
Vermelho sobre o branco, vermelho sobre o preto
Vermelho, vermelho, vermelho
Se pra falar da vida alheia eles cobrem os espelhos
Então vamos destruí-los e espalhar seus pedaços
Forcem-nos a ver, mostre a eles quem é você
Você é vermelho, vermelho, vermelho
O que corre em suas veias também é... YEAH!!!
Como o último doce disponível
Como o último amor não perecível
Eles devoraram toda sua auto-estima
Você estava em paz e eles te forçaram a ver
Mas hoje eles querem tirar tudo de você
E você fica
vermelho, vermelho, vermelho
Disparando contra o próprio pé... YEAH!!!
Mostrando para todos o quanto estúpido você é!
Você é grande meu bem! Não importa o que digam
Se seu capitão é seu guia, fuja antes de anoitecer
Sua bomba interior está se agitando e ninguém pode conter
Vermelho corre em minhas veias
Vermelho minha alma já é há alguns anos
Vermelho corre em minhas veias

3 Response to "A Dama de Vermelho"

  1. Fraan Says:

    Nossa,eu adoro vermelho (tá,ninguem perguntou)
    mas é claro que eu quero ser amiga virtual :)

  2. Fraan Says:

    Este comentário foi removido pelo autor.
  3. sergio Says:

    Graças a www.tvhd.com.br a Sky nunca mais vai ver a cor do meu dinheiro