Poeira estelar


Oh mundo! Porque que não posso abraçar toda sua imensidão?
Porquê não?!
Porquê não?!
Eu olho mas não vejo
E penso logo existo
Viajo num infinito
Continuo acreditando
Mesmo que o dia me prove o contrário
E ele vem provando...
E vem provando...
São sempre milhares de amores
Que certamente não sabem disso
Só não me esqueço de falar das flores
Porque o resto dá sumisso
Tanto faz se não faz sentido
Cada um ver o que quer
Não importa o que eu quiz
Nunca verá o que isso é
Não é nada
O nada que me esquece
O nada que nunca acontece...

Escrevi ano passado...achei hoje em baixo da cama...

13 Response to "Poeira estelar"

  1. Ryan Says:

    Nossa, eu gostei muito!!
    Parabens

  2. Ivi Derzi Says:

    Poema digno de moldura na parede :)

    Beijo ;*

  3. Atreyu Says:

    Lindo E.S!
    Quero está bem legal pra fazer um assim!
    W.I.S ta ficando ácido já eu sei...
    Mas vai passar!!!
    Beijão!

  4. Haifrer Says:

    Esse texto parecia ecos...
    Afirmava... e uma resposta vinha ficou legal

  5. Arsênico Says:

    Um verdadeiro Achado... néah?...

    ***

  6. exoticlic.com Says:

    o mundo é enorme eu to no pior lugar dele =/

  7. °° Desequilibrada °° Says:

    Tenho vergonha das coisas que escrevi no passado...

    Nossa, como eu era mongol!!

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Linda, suas palavras!

    =D

  8. •.¸¸.ஐBruneLLa França Says:

    Aquele espaço debaixo da cama é capaz de guardar tantas coisas e tão misturadas q me surpreendo a cada viagem que faço lá.

    Beijos e borboleteios

  9. .: Juliana :. Says:

    Atreyu, surpresas são ótimas, e como vc disse: "sem suspresas a vida fica meio chata".

    Obrigada pela visita.

    Uma ótima semana de grandes emoções.

    Bjs.

  10. Cαmilα ♥ Says:

    Muito bacana!
    O nada me enlouqueceeeeee!

    BeijOs

  11. Yuuko-sama Says:

    pra vc ver como vc gosta do ke escreve asushuashu
    to brincando

  12. Gabriela Says:

    tão poético...

    limpa embaixo da cama heim...

    deve ter mais coisas lindas.

  13. Daniel Savio Says:

    Como assim você esqueceu em baixo da cama?

    Poesias não são para guardar num caderno especial?

    Fiquem com Deus, menina E. Suruba e galera.
    Um abraço.